Pesquisar este blog

23.6.10

A copa em Curitiba

A solução para que a Arena siga como sede de Curitiba para a Copa do Mundo de 2014 pode ter sido encontrada. O Atlético Paranaense consultou o BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento) para rever a proposta da prefeitura, em transformar o estádio em um potencial construtivo. O objetivo do time paranaense é, ao invés de utilizar a Arena como garantia, o que resultaria em uma dívida para o clube pelos próximos 20 anos, fazer o financiamentos das obras por meio da prefeitura. Além disso, ainda se espera o resultado da votação da lei estadual que autoriza a Copel se transformar em Naming Rights do estádio, investindo R$ 40 milhões no local. A decisão deve sair esta semana. O governador do Paraná, Orlando Pessuti, já havia declarado que nos próximos dias ele, juntamente com o prefeito de Curitiba, Luciano Ducci, vai se reunir com o Conselho Deliberativo do Atlético-PR para resolver todas os entraves. O governador e o prefeito, inclusive, devem embarcar para a África do Sul no próximo dia seis para apresentar para a CBF a nova proposta, confirmando, assim, Curitiba e, principalmente, a Arena, como sede da Copa que será realizada no Brasil. Vale lembrar que o empecilho para confirmar a Arena como um dos estádio para o Mundial é o fato de que o Atlético-PR está disposta a investir R$ 30 milhões nas obras, valor estimado para concluir o local. Os outros R$ 90 milhões é que acabou gerando o problema, uma vez que a prefeiura não pode investir dinheiro público em uma construção privada.

0 opiniões:

Sairam daqui para A Abiose

Sairam daqui para A Abiose

Atenção! Este contador não é 100% confiável

Lorem Ipsum

.

A Abiose Maringaense mundo afora

Só Empresas - 0800 604 1234

A Abiose Maringaense mundo afora hoje