Pesquisar este blog

29.4.11

Operação Tubarão pegou fogo

Depois das inúmeras denúncias levantadas pelo presidente da Assembleia Legislativa em direção aos funcionários, parece que o último tiro deverá atingir os deputados estaduais, que estão nervosos com a situação. Rossoni tenta acalmar e garantir que a Justiça, através da Operação Tubarão, que apura esquema de fraude no Imposto de Renda na Alep, não vai investigar os deputados, mas refaz, “pelo menos por enquanto”. Na terça-feira, a Receita Federal, com apoio da Polícia Federal e do Ministério Público Federal, deflagrou a operação que investiga o uso de funcionários “fantasmas” e de “laranjas” para o recebimento indevido de restituições do IR dentro do Legislativo. O esquema contou com a participação de um contador, que elaborava a declaração do IR de funcionários fantasmas, e depois retificavam a declaração incluindo despesas médicas que provocavam a devolução quase que total dos valores pagos ao Leão. Pois é, mas esta devolução inevitavelmente deve ser feita na conta corrente da pessoa que declarou, o que remete a quem detinha o cartão do banco, ou seja, para quem colocou o fantasma no cargo. Demonstrando esta situação que nada foi realizado sem o aval dos deputados que possam estar envolvidos. E com o Leão a história é outra.

0 opiniões:

Sairam daqui para A Abiose

Sairam daqui para A Abiose

Atenção! Este contador não é 100% confiável

Lorem Ipsum

.

A Abiose Maringaense mundo afora

Só Empresas - 0800 604 1234

A Abiose Maringaense mundo afora hoje