Pesquisar este blog

6.10.11

Cesumar entrega museu e novas obras neste sábado


Investimentos da ordem de 12 milhões de reais foram injetados para ampliar a infraestrutura do campus e instalar o primeiro museu interativo do Paraná
Com a construção de mais 12 mil metros quadrados, o Cesumar irá entregar, neste sábado (08/10), novas obras que ampliam os espaços de ensino no campus, o primeiro museu interativo do estado do Paraná e também as instalações da TV Educativa Canal 28, retransmissora do Canal Futura, em sinal aberto, para toda a região.
As novas instalações incluem o bloco 10, com aproximadamente 6 mil m2, onde estão instaladas salas de aula e laboratórios dos cursos de ciências tecnológicas e agrárias; uma piscina semiolímpica, com cobertura e aquecimento, e uma academia de ginástica voltadas às práticas do curso de Educação Física. Também está sendo inaugurado o bloco da Educação a Distância, de 4 mil m2, onde estão montados, entre outras instalações, os quatro estúdios de transmissão de aulas.
Os investimentos em construção e compra de equipamentos são da ordem de R$ 12 milhões e foram feitos ao longo dos últimos 2,5 anos, com recursos próprios. O vice-reitor, Wilson de Matos Silva Filho, disse que a ampliação da infraestrutura beneficia a toda a comunidade acadêmica, como também a comunidade externa, que poderá usufruir de alguns desses espaços, em especial do Museu e da TV Cesumar, que estarão a serviço da educação e cultura local.


Museu Cesumar
Tendo como mentor o reitor Wilson de Matos Silva, o Museu Cesumar é uma instalação que reúne o passado e o presente para preservar a memória da cidade e da região. A instalação é dividida em três espaços: o Museu Interativo, uma obra moderna que agrega os recursos da tecnologia digital para contar a história de Maringá, desde a sua colonização aos dias atuais; a Casa do Pioneiro, que preserva as construções e hábitos dos colonizadores; e a Tulha da Cafeeira Santo Antônio, marco da cafeicultura no passado.
Para a instalação das três unidades, o Cesumar contou com o trabalho e desenvolvimento de tecnologia dentro da própria instituição, envolvendo estudantes e professores de cursos como arquitetura e urbanismo, engenharia de controle e automação, engenharia elétrica, redes de computadores, sistemas de informação, moda, artes visuais, jornalismo, publicidade e propaganda, além de funcionários de diversos setores.
A Casa do Pioneiro é uma montagem original do ano de 1953. Construída na rua Guarani, no Maringá Velho, e pertencente à família do pioneiro Shozo Arai, foi adquirida pela instituição e transferida para o campus, recebendo todo trabalho de restauração do curso de arquitetura e urbanismo. No interior, está decorada com móveis de época e agrega também 180 peças antigas doadas por pioneiros. Há aparelhos de rádio, telefone, máquinas de costura, ferro de passar roupa, louças e peças de roupas, entre outros. Entre as relíquias, está, por exemplo, uma cadeira em madeira utilizada pelo primeiro prefeito da cidade, Inocente Villanova, em seu gabinete.
Já a tulha de café é uma edificação em madeira peroba. Construída originalmente em 1949, integrava a Cafeeira Santo Antônio e estava localizada na Avenida Mauá, em Maringá. Primeiramente, recebeu o nome de “Máquina de Café Sampaio e Jubilei” e depois passou por alterações de nome. Em 1965, foi adquirida pela Companhia Melhoramentos Norte do Paraná e operou normalmente até a década de 1980. Na década de 1990, foi tombada pelo Patrimônio Histórico do Município, que recentemente a transferiu em comodato ao Cesumar para ser preservada no campus. Internamente, a tulha possui objetos, painéis fotográficos e cenários que relembram a época da cafeicultura.
O Museu Interativo é composto por várias estações onde as pessoas poderão assistir a vídeos contando desde o início da colonização da região Noroeste do Estado, por volta de 1920, à fundação e desenvolvimento de Maringá, até os dias de hoje. O Museu também terá terminais de computadores para pesquisa sobre a história da cidade, ambiente virtual e uma sala de cinema onde será exibido um filme em 4D sobre a Maringá de hoje, além de espaço para exposição itinerante. A primeira exposição será de Kenji Ueta, um dos primeiros fotógrafos a se estabelecer na cidade. A exposição “Um olhar fotográfico no passado” é composta por 17 fotos em tamanho 1m X 2m que mostra pontos da cidade no passado e no presente.

Serviço:
Inauguração do Museu Cesumar: 08/10/11
Abertura ao público: 17/10/11
Horário de Visitação: segunda a sexta, das 8 às 17h30; sábado: das 11 às 16h
Entrada: gratuita

0 opiniões:

Sairam daqui para A Abiose

Sairam daqui para A Abiose

Atenção! Este contador não é 100% confiável

Lorem Ipsum

.

A Abiose Maringaense mundo afora

Só Empresas - 0800 604 1234

A Abiose Maringaense mundo afora hoje